Villa Melzi - Lago de Como

Villa Melzi, a famosa mansão do Lago de Como

Pontos Turísticos - 07/10/2021

Villa Melzi é uma das mansões mais famosas do Lago de Como e é certamente um símbolo de Bellagio, a característica aldeia localizada no promontório que divide o lago em seus dois ramos.

Bellagio – Lago de Como. Foto: Stefan Ember / 123RF

A Villa Melzi d’Eril

A mansão, atualmente habitada pelos herdeiros da família Melzi d’Eril, foi erguida entre 1808 e 1810 pelo arquiteto Giocondo Albertolli para Francesco Melzi d’Eril, duque de Lodi e vice-presidente da República Italiana durante o período da ocupação napoleônica.

O duque queria que sua residência de verão fosse tão elegante quanto as outras construções do Lago de Como, portanto convocou os artistas mais importantes da época para decorá-la, como os pintores Appiani e Bossi e os escultores Canova e Comolli.

A fachada da mansão, simples e regular, é enriquecida por uma monumental escadaria e quatro leões no estilo egípcio, enquanto duas estátuas de mármore representando Apolo e Meleagro embelezam toda a estrutura.

Villa Melzi - Lago de Como
Villa Melzi – Lago de Como. Foto: Henry Kellner – Obra própria, CC BY-SA 4.0 / Wikipedia Commons

No antigo laranjal atualmente existe um museu que contém preciosos vestígios e gravuras da época napoleônica, coleções arqueológicas, pinturas e memórias dos Melzi d’Eril.

No extremo sul do parque, com vista para o lago, encontra-se a capela onde estão os restos mortais da família.

Leia também: ILHAS BORROMEU, UM PARAÍSO NATURAL NO NORTE DA ITÁLIA

Excursão Lago de Como, Bellagio e Varenna

O Parque e jardins de Villa Melzi

O parque de Villa Melzi foi projetado pelo arquiteto Luigi Canonica e pelo botânico Luigi Villoresi e representa uma esplêndida expressão do estilo neoclássico. Podemos defini-lo como um jardim inglês permeado pela elegância italiana em sua estética limpa e essencial.

Concebido desde o início como uma obra botânica-artística que se encaixa harmoniosamente entre o lago e as montanhas, ao longo dos anos o parque foi enriquecido com elementos botânicos e paisagísticos de todos os continentes.

Jardins de Villa Melzi – Lago de Como. Foto: Rugco / 123RF

O gosto pelo exótico tão típico do Romantismo encontra a sua mais graciosa expressão nas inúmeras espécies de camélias históricas que podem ser admiradas no parque. Flores símbolos da cultura oriental, que contêm o presságio da primavera e da renovação da vida, as camélias todos os anos, de fevereiro a abril, revitalizam o jardim com uma autêntica explosão de cores!

Os jardins de Villa Melzi – Lago de Como. Foto: . Ray in Manila / Flickr

Durante o século XIX, Villa Melzi hospedou inúmeras personalidades, entre as quais o romancista Stendhal, que na obra “Roma, Florença e Nápoles” imortalizou a beleza do jardim, dos seus monumentos e da magnifica vista sobre o lago.


Por Giacomo Cenci
Foto de capa: Henry Kellner – Obra própria, CC BY-SA 4.0 / Wikipedia Commons

EXPLORE AINDA MAIS A ITÁLIA COM ESTES PASSEIOS INCRÍVEIS


Dicas Cenci

Receba promoções e novidades antes de todo mundo!